Bolt - O supercão

Paguei o maior mico ontem. Desta vez a história será minha: eu e a Jul fomos assitir Bolt- O Supercão no cinema. Nós duas queríamos muito ir porque nos parecia bastante interessante e engraçado.
Mal o filme começou já me deu um nó na garganta. O tal cãozinho estava guardadinho numa gaiolinha e de repente deu aquele bocejo delicioso, que enrola a língua prá fora da boca e parecia a picopico... depois ele foi escolhido dentre diversos animaizinhos pela Penny, sua dona tão amada e tão carinhosa. Quando vi aquilo já fiquei com os olhos cheios de lágrimas de lembrar da minha Pink lá, na gaiolinha, sozinha... e quando ela me viu "me escolheu" prá ser mãe dela. Urgh!
Num determinado momento do filme o cachorro se perde da Penny e passa alguns perrengues na rua... e eu, claro, chorando!
Quase no final do filme, quando eles se reencontram (sorry! por contar o final do filme mas enfim, já era de se esperar porque nenhum autor em sã consciência faria um desenho animado infantil terminando em tragédia, né ?) então, quase no final do filme o local onde a Penny está se incendeia e o Bolt vai salvá-la. Eles não conseguem sair do lugar por causa do fogo e da fumaça então ela desmaia e ele opta por deitar ao ladinho dela, só prá proteger a menina que ele ama tanto. Meeeeeeeeeeeu Deus ! Quando o tal Bolt se chamega do lado da menina, chora um pouquinho e fecha os olhinhos, minha vontade era de chorar alto de tanta lágrima que me saía.
Nesse momento olhei prá minha irmã e disse:- Nossa ! Acho que nunca mais vou conseguir parar de chorar!
Claro que quando saí do cinema tava de olhos inchados, nariz vermelho... parecia que eu tinha ido assistir um romance trágico onde a mocinha não fica com o mocinho porque ele morre no final.
A Jul falou que enquanto eu chorava parecia que na tela estava passando o Ghost, do outro lado da vida, naquela hora em que a Demi Moore vê a moeda subindo "sozinha" pela porta...
Bom, percebi que mãe sofre calada mesmo, de saudade de sua cria ! Minha lindinha Pink.

2 comentários:

Juliana disse...

Então... eu estava lá e vi tudo... A frase durante o filme foi: Ai Jul... acho que eu estou com vontade de chorar.... Buá.... buá... O casal que estava do lado pensou... Nossa coitada dessa menina, né... Acho que ela não está bem... Ela acha que está assistindo o Titanic naquela hora que a Kate Winslet acha o Di Caprio congelado no meio do mar...
A criançada rindo e a Fer chorando...
Eu estava presente em dois filmes: Sociedade dos Poetas Mortos e Bolt mas a Fer chorou mais no Bolt... Dá prá acreditar....
Mas foi engraçado sair do cinema e o nariz da Fer estava beeeeeemmm vermelho...
Eu rindo muuuuito da pomba com sotaque italiano e a Fer buá... buá....

Doa Cão e Gatos disse...

Queria ter visto isso!!! rs

Mas, eu te entendo!

Depois que eu assistir te falo se não tiver a mesma reação!

Beijos
Suênia